Clique para a página principal

Re: Público classe A, Mídia classe D era (sem assunto)

Lista de discussão sobre samba e choro, estilos musicais brasileiros.
 Página principal » Tribuna Livre » Arquivo das mensagens » Indice mensal
Nova mensagem Responder Mensagens por data Mensagens por discussão Mensagens por assunto Mensagens por autor

Autor: Silvia Brugger (sbrugger_at_mgconecta.com.br)
Data: Qui 25 Set 2003 - 14:39:08 BRT

Simples Toledo, muito simples... Em geral os ricos brasileiros são
informados, mas são incultos, são boçais. Não sabem o que quer dizer
cultura, não entendem de cultura, pensam que patrimônio cultural é igual a
roupa da moda, carro da moda e a última modelo da moda. Aliás, você viu a
homenagem caricata que Chico Anysio fez aos sambistas, no Fantástico? O pior
de tudo é que o Dudu Nobre esqueceu a nobreza do samba e foi ao programa rir
junto com Chico. Que merda!
Abraços
Josemir

----- Original Message -----
From: "Fernando Toledo" <fernandotoledo@hobeco.net>>
> Eu:
> Primeiro, uma dúvida: A Nair de Teffé era cartunista também ou estou
> misturando as figuras na minha cabeça?
> Bem, agora, de volta ao samba:
> Curiosamente, o samba se encontra hoje em posição paradoxal, pois hoje é
> ouvido por um público classe A (em termos de Cultura, não necessariamente
de
> grana, apesar das gracinhas tipos caixas do SESC e da Elza, fora do
alcance
> da maioria dos mortais brasileiros), mas a mídia lhe atribui um status
> classe D. Quando anuncia um sambista, é sempre como: "Esse é de raiz,
> produto do morro, olhem só a música que esses favelados produzem, como
eles
> são engraçados, alguém aí trouxe os espelhinhos e as miçangas, hei, você,
> seu sambista, não tem aí uma feijoada no bolso? Não? Ué, e se você sentir
> fome de repente aqui na gravação? Sei, sei, tem uma cantina, mas eles não
> servem angu, dobradinha, essas coisas que você tá acostumado". Bem assim.
> Aliás, o Zeca se emputeceu com o cardápio do MTV e, no dia seguinte,
> organizou uma dobradinha lá...
> Uma frase ouvida numa reunião de executivos: "Vôo da VASP (que é uma bosta
m
> esmo, outro dia quase tive uma síncope, os pilotos da companhia devem
> treinar em Barretos, com aqueles cavalos chucros) é que nem letra de
samba,
> ninguém quer". Ouvi, literalmente, isto. Ipsis litteris, sem tirar nem
pôr.
> De vez em quando sou sacaneado no meio: "E aí, e as rodas de samba?" - em
> tom jocoso.
> Por que rico brasileiro tem o hábito de ser tão escroto (e burro), alguém
> pode me informar?
> Um abraço,
> Fernando Toledo
>
> _______________________________________________
> Para CANCELAR sua assinatura:
> http://www.samba-choro.com.br/tribuna/cancela
> Para ASSINAR esta lista:
> http://www.samba-choro.com.br/tribuna/assina
> Antes de escrever, leia as regras de ETIQUETA:
> http://www.samba-choro.com.br/tribuna/netiqueta

_______________________________________________
Para CANCELAR sua assinatura:
        http://www.samba-choro.com.br/tribuna/cancela
Para ASSINAR esta lista:
        http://www.samba-choro.com.br/tribuna/assina
Antes de escrever, leia as regras de ETIQUETA:
        http://www.samba-choro.com.br/tribuna/netiqueta

Nova mensagem Responder Mensagens por data Mensagens por discussão Mensagens por assunto Mensagens por autor

Este arquivo foi gerado por hypermail 2.1.4 : Qui 25 Set 2003 - 14:34:28 BRT