Clique para a página principal

Re: Chico, Gosto e Poesia

Lista de discussão sobre samba e choro, estilos musicais brasileiros.
 Página principal » Tribuna Livre » Arquivo das mensagens » Indice mensal
Nova mensagem Responder Mensagens por data Mensagens por discussão Mensagens por assunto Mensagens por autor

Autor: marioatleticomineiro (marioatleticomineiro_at_uol.com.br)
Data: Qui 11 Set 2003 - 04:17:04 BRT

Não meu caro César, é bem diferente. Primeiro para a produção
literaria é preciso um dom inato. Não se senta pra escrever
prosa ou poesia da mesma maneira que um jornalista escreve
uma matéria. Ninguém nasce Machado de Assis, Guimarães Rosa,
Emílio Moura, Drummond, Cicília Meireles, etc.
"São diferenças diferentes"
Há diferença técnica, na forma, entre um texto para TV e
outro para o rádio. Isso você pode esxplicar melhor.

Um leitor de poesia, acostumado com poesia, reconhece a
diferença marcante entre poesia e letra. As letras estam
muito mais para a prosa. A maioria prosa rimada.
Os versos poéticos tem um ritmo independente de melodia
musical. Há uma melodia inata das palavras.

O que transcrevo a diante é prosa, e não poesia: "Eu vou lhe
deixar a medida do Bonfim, não me valeu. Mas fico com um
disco do Pixinguinha assim, o resto é seu..." (Chico)

Poesia:

O mundo é grande e cabe
nessa janela sobre o mar.
O mar é grande e cabe
na cama e no colchão de amar.
O amor é grande e cabe
num breve espaço de beijar. (Drummond)

Grande abraço, Mário.

> Eu acho que é assim: quando vc senta pra escrever, usa os pr
ocessos
> inerentes ao que vai fazer: é música, é poesia? A letra sai
de acordo com o
> "suporte" onde vai ser lido. Será isso? É mais ou menos como
 na minha
> profissão. Escrever propaganda de rádio é uma coisa, comerci
al de tv é
> outra, anúncio outra, outdoor outra ainda.. por aí.
> Cesar
>
>
> ----- Original Message -----
> From: Fernando Toledo <fernandotoledo@hobeco.net>
> To: Cesar Oliveira <cesar52@superig.com.br>; Samba-e-Choro
> <tribuna@samba-choro.com.br>
> Sent: Wednesday, September 10, 2003 4:37 PM
> Subject: Re: [S-C] Chico, Gosto e Poesia
>
>
> > César Y Ana:
> > > Olha, Fernando, eu achava que o Milton tava mortinho até
 ouvir essa
> música
> > > que ele fez pra
> > > Maria Rita. O auge do Chico vai ser quando ele morrer, p
orque sua obra
> > > estará completada.
> > > Quando falei de "Corrente", é porque ele brinca com as f
rases, elas
> fazem
> > > sentido na ida e na volta,
> > > qualquer ordem que vc cante a letra, a coisa flui... com
o na corrente de
> > um
> > > dia, o texto se acorrenta...
> > Eu:
> > OK, também gosto muito de corrente. Simplesmente quis dize
r que (como sói
> > acontecer com letras de música), não se sustenta in vitro,
 ou seja, apenas
> > como poema puro e simples.
> > Agora, quanto a recorrências e leitmotifs nas canções de C
hico,
> "Construção"
> > e "Cotidiano", também estão lá nos píncaros da criação bua
rquiana,
> > brasileira e universal. E são isto: letras de música, não
poemas
> > literalmente (argh) literários.
> > Dixi.
> > Um abraço,
> > Fernando Toledo
> >
> >
> >
> >
>
> _______________________________________________
> Para CANCELAR sua assinatura:
> http://www.samba-choro.com.br/tribuna/cancela
> Para ASSINAR esta lista:
> http://www.samba-choro.com.br/tribuna/assina
> Antes de escrever, leia as regras de ETIQUETA:
> http://www.samba-choro.com.br/tribuna/netiqueta
>

 

---
Acabe com aquelas janelinhas que pulam na sua tela.
AntiPop-up UOL - É grátis! 
http://antipopup.uol.com.br

_______________________________________________ Para CANCELAR sua assinatura: http://www.samba-choro.com.br/tribuna/cancela Para ASSINAR esta lista: http://www.samba-choro.com.br/tribuna/assina Antes de escrever, leia as regras de ETIQUETA: http://www.samba-choro.com.br/tribuna/netiqueta

Nova mensagem Responder Mensagens por data Mensagens por discussão Mensagens por assunto Mensagens por autor

Este arquivo foi gerado por hypermail 2.1.4 : Qui 11 Set 2003 - 04:27:03 BRT